Camboja



O destino

Camboja


História surpreendente em um cenário tropical

Um país cheio de história e cenas tropicais paradisíacas, o Camboja vem aos poucos se tornando um destino mais procurado por casais em lua de mel e viagens de lazer, mas ainda assim seu turismo não segue os mesmos padrões dos vizinhos Vietnã e Tailândia. O lado bom disso é que suas praias (igualmente fascinantes às da Tailândia) são muito mais vazias e agradáveis para quem quer descansar.

Entre suas paisagens, pode-se destacar como uma das mais mágicas os belíssimos bangalôs sobre as águas cristalinas, que podem ser encontrados nos resorts da região. É possível realizar jantares românticos na praia e desfrutar de uma paz que pode ser encontrada apenas em lugares seletos no mundo.

Por ser um país muito próximo de outros, costuma ter um roteiro combinado que permita visita aos vizinhos, igualmente belos e interessantes. Ainda assim, muito consideram o Camboja um dos destinos mais empolgantes do Sudeste Asiático, pois apesar de suas praias e paisagens, possui uma capital cosmopolita e agitada, além de uma história incrível e com fatos recentes, que instigam a exploração de turistas.

Para quem visita o país, a sensação é de estar vivenciando um exemplo tocante de sobrevivência e resistência de um povo que passou por um período de guerra há pouco tempo, e hoje possui referências arquitetônicas e culturais inesquecíveis.

Outro ponto alto da viagem é a culinária local. A cozinha Khmer é uma grata surpresa formada por uma mistura de outras tradições. Os pratos combinam ervas vietnamitas, molhos tailandeses, técnicas chinesas e temperos indianos, feitos sempre com ingredientes frescos e normalmente cozidos em carvão. Para desfrutar dessas delícias, os mercados são ótimas opções, com diversas barracas típicas que oferecem as especialidades locais.

A região é de clima tropical. Dessa forma o verão, que vai de maio a setembro, apresenta temperaturas altíssimas, chegando até os 40ºC. No restante do ano, o país passa por algumas épocas de chuva, que excluem os meses de outubro a janeiro, portanto essa é a melhor época para se visitar o Camboja.


 

Lugares para visitar


Angkor Wat: este complexo majestoso foi considerado a oitava maravilha do mundo e é um dos grandes responsáveis por atrais turistas do mundo todo ao Camboja. Caracterizada por uma enorme ponte de entrada ladeada por 54 esculturas de pedras representando guerreiros, a antiga residência do maior império antigo da região conta com mais de 30 templos impressionantes. O nascer do sol no local é uma das maiores atrações, portanto a dica é chegar cedo, por volta das 5:30.

Koh Kong: para quem é fã de ecoturismo, a aldeia de Chi Phat na província de Koh Kong é uma parada obrigatória. Com uma espantosa biodiversidade, a região, que inclui um dos maiores trechos de floresta tropical virgem do Sudeste Asiático, recebeu uma base dedicada ao turismo ecológico e possui agora acomodações e restaurantes improvisados por empresas ocidentais. Esse passeio é indicado para os mais aventureiros, que poderão caminhar por campos repletos de canários amarelos e borboletas azuis chegando a cavernas de morcegos, escondidas atrás de cachoeiras, ou até plantar uma árvore em um viveiro de reflorestamento.

Phnom Penh: uma cidade caracterizada pelo contraste, a capital Phnom Penh é repleta de templos budistas e bulevares arborizados, por onde caminham monges tranquilos em um ambiente de serenidade. Por outro lado, nas ruas da região, motos, tuk-tuks, biciletas e veículos disputam um lugar para circular em completa agitação. Na cidade, é possível encontrar mercados cheios de pechinchas em sedas, comidas e souvenires típicos Além disso, é la que fica o Palácio Real, construído no século 19, com pavilhões de arte, jardins exuberantes, inúmeros templos e a famosa Pagoda de Prata (chão construído com mais de 5 mil placas do metal precioso).

Sihanoukville: localizado na costa sul, é o principal balneário do Camboja e também conhecido como a terra dos excessos. As praias de areia branca e fofa cercadas por ilhas tropicais preservadas são repletas de bares com lounges de cadeiras estofadas que oferecem baldes com garrafas de cerveja e possuem até wi-fi de graça. O clima da região é de festa o ano todo, e a hospedagem é muito barata, o que caracteriza o local (principalmente a região de Serendipity Beach) como um destino jovem e agitado.

Outras dicas gerais: a prática de mergulho também é uma atividade comum no país entre os turistas e o local apresenta ótimas condições para ver belíssimas espécies de peixes e corais. Na cidade de Siem Reap (localizada na província de mesmo nome) está o restaurante New Hope, responsável pela que foi considerada como uma das melhores refeições no Camboja. E, por fim, vale ressaltar que os hotéis e spas costumam oferecer diversos mimos e gifts apresentando sempre grande hospitalidade e um povo muito receptivo.