Star Clippers

 

Star Clippers


"Sem nada que se lhe equivalha nos sete mares, o Royal Clipper provoca comoção imediata. Mal despontam, no horizonte, os cinco mastros do maior veleiro do mundo, qualquer cidadão em terra que disponha de um bote que seja lança-se ao mar em disparada, para fotografar, filmar ou apenas ver de perto a embarcação. Forma-se, então, um grande cortejo que, antes mesmo da chegada do prático, há de escoltar o navio até o seu destino" - Ronny Hein em, O Olhar do Hipopótamo (Ed. Europa).
A Star Clipper colocou na indústria de cruzeiros 3 veleiros construídos com inspiração nos Clippers do passado, que impressionam a todos ao atracar nos portos dos quatro cantos do globo.

Possuem 4 e 5 mastros, amplo velame, com equipamento de navegação moderno e todo o conforto em cabines com banheiro em mármore, piscina e bar, restaurante, piano bar e biblioteca. Sua proposta de cruzeiro é esportiva, com ambiente informal, apesar de bastante elegante.

Star Clipper & Star Flyer - Categoria Berlitz: Standard

Veleiros (barkentine schooner) com 2.300 toneladas, 115m de comprimento (LOA), 4 mastros com 20 m, 16 velas acionadas manualmente, velame de 3.365m², propulsão por velas e motor a diesel. Amplo espaço de convés aberto, 2 piscinas, 4 decks para passageiros. Capacidade para 170 passageiros, 72 tripulantes – proporção: 1 tripulante para cada 2,3 passageiros.

Royal Clipper - Categoria Berlitz: Premium

Construção baseada no único veleiro de 5 mastros até hoje construído: o alemão Preussen, em 1902. É um veleiro para cruzeiros (square rigger) que pode ser convertido em escuna em curto espaço de tempo. 5.061 toneladas, 134m de comprimeiro (LOA), 5 mastros, 42 velas com velame total de 5.204 m². Sistemas de navegação de última geração. 1760 m² de convés aberto, 3 piscinas, 5 decks para passageiros. Capacidade para 227 passageiros, 100 tripulantes – proporção: 1 tripulante para cada 2,2 passageiros.

 

 


Área de operação: Mediterrâneo (Rivieras, Córsega, Sicília e Croácia), Ilhas Gregas e Turquia, Tailândia e Malásia, Caribe e novos itnerários: Costa Rica e Panamá, Costa Rica e Nicarágua.

Adequado para: casais e solteiros, jovens de qualquer idade que apreciam o maior contato com a natureza e têm prazer em velejar com apenas o barulho das ondas e do vento. São pessoas que não querem fretar um veleiro para seu uso privativo mas desejam conforto, excelente culinária, destinos interessantes e convivência com pessoas de interesses e valores semelhantes, em ambiente de descontração.
Dependências e serviços a bordo: convés em teca e decoração interna remetendo aos Clipers do passado, com detalhes em teca e mogno, acabamentos em latão polido. Entretenimento com artistas locais das regiões em que operam.

Acomodações: oferece um restaurante elegante, Piano Bar e Tropical Bar com áreas interna e externa. Café da manhã completo, almoço (bufê variado de saladas, peixes e frutos do mar além de grelhados e, eventualmente, churrasco na praia) e jantar open seating, sem horário pré-fixado ou mesa designada. No jantar, pratos elaborados, acompanhados por vinhos selecionados (sem custo adicional). Trajes esportivos em qualquer ocasião. Interação com a tripulação, ponte de comando sempre acessível.

Refeições e gastronomia: cabines com cama de casal ou duas camas que podem ser convertidas em cama tamanho Queen, banheiros em mármore, cofre privado, TV com vídeos, DVD player, telefone com discagem direta via satélite, secador de cabelos. Maioria de cabines externas, apenas algumas internas. No Royal Clipper há 14 suítes de luxo com varanda privativa, jacuzzi e serviço de cabine 24h e mais duas Owner Suítes que podem ser combinadas.